“Onde está o Comandante?”

Airbus_Nova_York_imp_16-01

Chesley, comandante do vôo US Airways 1549, que diante de um pouso de emergência no Rio Hudson, em Nova Iorque, em 2009, orientou toda uma tripulação para que os 155 passageiros a bordo não entrassem em pânico devido a um pouso um tanto quanto diferente, obteve sucesso por sua habilidade em comunicar-se com toda equipe a bordo, tranquilizando-a, direcionando-a e assumindo toda a responsabilidade.
Ele estava lá.

 


Não é à toa que o comandante do avião, durante uma turbulência ou um pouso de emergência, sempre da aquele “oi” – com aquele “ar” de confiança – a todos só para dizer algumas palavras que, para quem está voando pela primeira vez, pode ser a tranquilidade de saber – mesmo com certeza – que há alguém no comando daquilo tudo. “Ufa, o comandante está aqui! Não vamos morrer!”.

Será por isso que a frase a seguir é tão impactante?

“Olhe para trás. Se ninguém o estiver seguindo, você não está liderando; apenas passeando”.

Boa, não é?

Pensando neste contexto, como está sua empresa? Tem ou não tem um comandante? A visão, missão, meta, objetivo já foi elaborada por escrito e comunicada com clareza a cada funcionário?

“Você comunica com clareza a visão da empresa a sua equipe ?”

E você, lidera ou esta passeando?

Muitos empresários e gestores falham em não comunicar adequadamente a visão – ou qualquer outro nome de mesmo significado – da empresa aos funcionários. O que acontece é que se depois eles não seguirem nenhuma de suas diretrizes, não será nenhuma surpresa. A comunicação falhou.

Os gestores e líderes têm a responsabilidade de garantir que todo membro da equipe saiba como chegar onde desejam, como está a situação atual e como fará para reverter ou continuar adiante. Ao mesmo tempo, devem praticar o que pregam e serem os primeiros a seguir o que foi combinado. São eles que puxam a fila, tomam a iniciativa e sofrem as consequências. Boas ou ruins.

Quando a equipe toda abraça uma diretriz ou segue um mesmo curso, acontece o surpreendente, ela começa a gerar resultados com maior entusiasmo, unidade e eficiência; assim os serviços são aprimorados e os clientes logo notam que sua equipe está mais motivada e focada, aumentando as vendas, a produtividade e os lucros. Pense nisto!

Comunicar e saber comunicar faz parte do trabalho e muda o resultado, como mudou o de Chesley!

Seja um comandante atuante e não deixe que sua equipe, em nenhum momento, na turbulência ou na calmaria, venha se perguntar: onde está o comandante?

 

Luiz Octávio Reis é Consultor Corporativo na Ágile Consultoria, Administrador pela PUC-PR, Especialista em Gestão Corporativa pela Fundação Getúlio Vargas.

Comments (5)

  1. Pingback: betebet
  2. Pingback: betebet
  3. Pingback: sportotobet
  4. Pingback: bahis siteleri
  5. Pingback: acı kavun

Comments are closed.